24,99 €
inkl. MwSt.
Versandfertig in 6-10 Tagen
12 °P sammeln
  • Broschiertes Buch

A pera é a fruta mais importada pelo Brasil. Os principais fatores responsáveis por este cenário são a baixa produtividade, longo período juvenil, falta de cultivares e porta-enxertos adaptados e excesso de crescimento vegetativo nas condições do país. O controle do crescimento vegetativo é necessário para prevenir o crescimento excessivo de ramos no interior da copa, de maneira a reduzir o sombreamento e aumentar a interceptação da radiação solar e melhorar a qualidade de frutos e formação de gemas florais. Além disso, o excesso de crescimento vegetativo aumenta os custos com o manejo de…mehr

Produktbeschreibung
A pera é a fruta mais importada pelo Brasil. Os principais fatores responsáveis por este cenário são a baixa produtividade, longo período juvenil, falta de cultivares e porta-enxertos adaptados e excesso de crescimento vegetativo nas condições do país. O controle do crescimento vegetativo é necessário para prevenir o crescimento excessivo de ramos no interior da copa, de maneira a reduzir o sombreamento e aumentar a interceptação da radiação solar e melhorar a qualidade de frutos e formação de gemas florais. Além disso, o excesso de crescimento vegetativo aumenta os custos com o manejo de poda. Dessa forma, para obtenção de produções satisfatórias, com frutos de qualidade, deve haver um balanço entre o crescimento vegetativo e reprodutivo, especialmente em cultivares e porta-enxertos vigorosos. O presente trabalho traz importantes considerações e resultados sobre o manejo do crescimento vegetativo de pereiras, os quais certamente auxiliarão no fomento dessa cultura no país, para que em um futuro próximo sejamos menos dependentes de importações para suprir o mercado doméstico. O livro é direcionado a profissionais da área, estudantes, pesquisadores e demais interessados.
Autorenporträt
Mateus S. Pasa possui formação superior em Agronomia (2008), Mestrado em Agronomia (2011, Fruticultura de Clima Temperado, FAEM/UFPel) e Doutorado em Agronomia (2014, Fruticultura de Clima Temperado, FAEM/UFPel - Oregon State University/MCAREC). Atualmente é pesquisador da EPAGRI- Estação Experimental de São Joaquim, na área de Fitotecnia.