25,99 €
versandkostenfrei*
inkl. MwSt.
Versandfertig in 6-10 Tagen
13 °P sammeln
  • Broschiertes Buch

A fertilização é uma prática agrícola que consiste em aplicar fertilizantes no solo para recuperar ou conservar a sua fertilidade (FONSECA; MARTUSCELLO; SANTOS, 2011). É possível suprir a falta de nutrientes do solo e proporcionar o desenvolvimento adequado das plantas cultivadas, aumentando a produtividade (SANTOS et al., 2010). Nos últimos anos tem sido reconhecido que a fertilização pode ser conduzida com base em novas estratégias. Uma das bases da inovação em fertilização é a pesquisa científica contínua sobre a eficiência das novas técnicas de manejo agrícola (FONSECA et al., 2008). O…mehr

Produktbeschreibung
A fertilização é uma prática agrícola que consiste em aplicar fertilizantes no solo para recuperar ou conservar a sua fertilidade (FONSECA; MARTUSCELLO; SANTOS, 2011). É possível suprir a falta de nutrientes do solo e proporcionar o desenvolvimento adequado das plantas cultivadas, aumentando a produtividade (SANTOS et al., 2010). Nos últimos anos tem sido reconhecido que a fertilização pode ser conduzida com base em novas estratégias. Uma das bases da inovação em fertilização é a pesquisa científica contínua sobre a eficiência das novas técnicas de manejo agrícola (FONSECA et al., 2008). O cultivo da soja, uma das principais culturas para os Estados Unidos, China e Brasil, exige quantidades significativas de fertilizantes, especialmente fosfatos (SILVA; LODI; OLOVICIN, 2013). O Brasil é o quarto maior consumidor de fertilizantes do mundo, representando cerca de 6,0% do consumo mundial, atrás apenas da China, Índia e Estados Unidos. Em algumas culturas, como o algodão, o custo dos fertilizantes representa 30% do custo total da produção, levando os agricultores a adotar práticas que aumentam a eficiência dos fertilizantes em sistemas intensivos de produção de grãos e fibras.
Autorenporträt
Luiz Gustavo Batista Ferreira est né à Londrina, dans l'État du Paraná, au Brésil. Ingénieur agronome diplômé de l'Université d'État de Londrina (UEL). Il a obtenu une maîtrise en agriculture de conservation à l'Institut agronomique de l'État du Paraná (aujourd'hui IDR Paraná). Actuellement, l'auteur est doctorant à l'Université d'État de Ponta Grossa -UEPG.