27,99 €
Versandkostenfrei*
inkl. MwSt.
Versandfertig in 6-10 Tagen
14 °P sammeln
  • Broschiertes Buch

Porque as pessoas são enganadoras, inconstantes, suscetíveis, arrastadas por uma cadeia de necessidades; porque o olhar dos outros muitas vezes as paralisa ou as submerge em ilusões retóricas e fantasiosas, assim como o gosto pelo poder abafa a reflexão, é necessário que as idéias e os valores prevaleçam sobre a pessoa. A impotência, a incompetência e a falta de amor daqueles que controlam os assuntos públicos tornam a vida difícil de conciliar, e para sair dela, precisamos de verdadeiro amor pelos nossos entes queridos, meritocracia e grande poder baseado no nacionalismo. Se os nossos…mehr

Produktbeschreibung
Porque as pessoas são enganadoras, inconstantes, suscetíveis, arrastadas por uma cadeia de necessidades; porque o olhar dos outros muitas vezes as paralisa ou as submerge em ilusões retóricas e fantasiosas, assim como o gosto pelo poder abafa a reflexão, é necessário que as idéias e os valores prevaleçam sobre a pessoa. A impotência, a incompetência e a falta de amor daqueles que controlam os assuntos públicos tornam a vida difícil de conciliar, e para sair dela, precisamos de verdadeiro amor pelos nossos entes queridos, meritocracia e grande poder baseado no nacionalismo. Se os nossos esforços forem inúteis, se as nossas capacidades se revelarem insuficientes, se os nossos escritos forem inúteis, o mérito, talvez vislumbrado apenas por nós, vigia-nos na teimosa vontade de abater esta longa e mortificante agonia. Como aqueles corpos que lutam corajosamente contra os males cujos poderes destrutivos não conhecem, talvez tivéssemos lutado contra a ondulação, contra inimigos que não podemos ver. Este livro pode parecer incompleto para alguns, não tenho a certeza; no entanto, os críticos irão enriquecê-lo com as suas opiniões.
Autorenporträt
Vanes KASONGA KASONGA Pierre, licenciado en Derecho Público por la Universidad de Lubumbashi, apasionado de la escritura y la cultura, es Secretario General de la Corporación de Estudiantes Investigadores en Derecho (CEED). Ha realizado una formación especial en derechos humanos, y es autor de varias obras científicas.