41,99 €
inkl. MwSt.
Versandfertig in 6-10 Tagen
21 °P sammeln
  • Broschiertes Buch

Em muitos países do mundo, o processo de ensino/aprendizagem de línguas estrangeiras encontra frequentemente um panorama de investigação muito limitado, tanto em número como em âmbito de contribuições, especialmente na concepção, implementação e manipulação de manuais escolares. O ensino do espanhol como língua estrangeira não escapa a esta realidade na Costa do Marfim, o país com o maior número de aprendizes de espanhol em toda a África Ocidental. Foi portanto necessário lançar luz sobre o tratamento da componente sociocultural nos materiais da ELE em uso nesse país.Através deste estudo de…mehr

Produktbeschreibung
Em muitos países do mundo, o processo de ensino/aprendizagem de línguas estrangeiras encontra frequentemente um panorama de investigação muito limitado, tanto em número como em âmbito de contribuições, especialmente na concepção, implementação e manipulação de manuais escolares. O ensino do espanhol como língua estrangeira não escapa a esta realidade na Costa do Marfim, o país com o maior número de aprendizes de espanhol em toda a África Ocidental. Foi portanto necessário lançar luz sobre o tratamento da componente sociocultural nos materiais da ELE em uso nesse país.Através deste estudo de quatro casos em duas escolas públicas de Abidjan, pudemos verificar a negligência da componente sociocultural como conteúdo de ensino/aprendizagem do ELE nas salas de aula da Costa do Marfim.O estudo foi realizado através da observação em sala de aula, entrevistas com quatro professores de espanhol como língua estrangeira nestas salas de aula, uma avaliação dos alunos através de um questionário adaptado a cada nível e a análise de um corpus de quatro materiais curriculares que compreende os dois manuais escolares em vigor nestas aulas e os respectivos programas educativos.
Autorenporträt
M. COULIBALY-Dr. em lingüística aplicada. Ensina linguística aplicada na Universidade de Alassane Ouattara em Bouaké. Autor de várias publicações. Participou em colóquios e conferências internacionais. C. J. AGNISSAN- B.A. em Filologia Hispânica, M.A. em Ensino. Ensina espanhol como língua estrangeira em escolas secundárias públicas.